Enem 24 de Agosto de 2004

Para estudantes, conteúdo ministrado em aula está distante da realidade

Dos estudantes da rede pública de ensino que realizaram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) no ano passado, apenas 18% consideram o conteúdo ministrado em sala como bom a excelente e adequado à realidade. Os dados fazem parte do "Relatório de Desempenho e Perfil Socioeconômico dos Alunos da Rede Pública", divulgado hoje, 24/8, pelo Inep. Do total de estudantes, 56,5% consideram a qualidade desse conteúdo entre regular e bom e 24,2% a classificam como insuficiente e regular. Clique aqui para acessar o estudo.

Com relação à segurança nas escolas, somente 19,4% consideram esse item (policiamento, iluminação, etc.) como bom a excelente, enquanto 44,8 % opinam que ele está entre regular e bom e 35,8% entre insuficiente e regular. Dos 1.322.644 participantes do Enem 2003, quase 70%, ou seja, mais de 900 mil, cursaram todo o ensino médio na rede pública.
Quanto a equipamentos eletroeletrônicos e de comunicação, 51% dos alunos não possuem telefone celular, 82% não têm acesso à Internet, 93% não têm acesso à TV por assinatura e 76% não possuem computador em casa. Ainda segundo o relatório, cerca de 60% dos estudantes das escolas públicas tiveram acesso a cursos de informática extra-escolar.

Respostas dos alunos de escolas públicas participantes do Enem 2003
Avaliação da Escola
Distribuição Percentual
Insuficiente/Regular
Regular/Bom
Bom/Excelente
Liberdade para expressar suas idéias
26,51
52,56
20,93
Respeito aos alunos
13,54
59,07
27,39
Amizade e respeito entre alunos e funcionários
12,50
52,54
34,96
Considera suas opiniões
36,38
50,19
13,43
Discute-se problemas da atualidade nas aulas
15,17
48,39
36,44
Convivência entre alunos
11,06
56,79
32,15
Apoio a resolução de problemas de relacionamento entre alunos
35,06
48,40
16,54
Iniciativa para apoiar resolução de problemas entre alunos e professores
27,87
53,13
19,00
Leva em conta seus problemas pessoais e familiares
49,92
38,14
11,94
Realiza Programas e Palestras contra drogas
28,98
43,79
27,23
Relaciona os conteúdos das matérias com o cotidiano
24,19
57,80
18,01
Tem capacidade para avaliar seu conhecimento, o que você aprendeu
25,04
56,54
18,42
Fonte: Inep/MEC.

Boa parte dos estudantes declarou que não teve oportunidade de estudar uma língua estrangeira ou freqüentar um cursinho pré-vestibular. A maioria declarou ler, pelo menos de vez em quanto, jornais, livros de ficção e romance, revistas de informação e de humor ou quadrinhos.

Por meio desse levantamento, os estudantes avaliaram também as escolas onde cursaram o ensino médio. As críticas principais são em relação à insuficiência ou más condições dos equipamentos de informática, de laboratórios, do ensino de língua estrangeira, de atividades extra-classe e esportivas. Com relação à avaliação dos professores, esses foram considerados distantes e pouco envolvidos com a turma, embora os estudantes tenham dito também que eles apresentam autoridade, firmeza e dedicação, em sala de aula, no tocante à transmitir os conteúdos. Outros problemas relatados referem-se aos relacionamentos entre colegas, às dificuldades vividas em família, à pouca atenção dada a questões como as drogas.

Assessoria de Imprensa do Inep: (61) 410-8023 / 8037 / 9563