Enem 05 de Agosto de 2019

Inep realiza primeira capacitação regional dos agentes envolvidos na logística e segurança do exame

Crédito: Vinicius Loures / Acervo Câmara dos DeputadosCrédito: Vinicius Loures / Acervo Câmara dos Deputados

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) realizou no último sábado, 3 de agosto, a primeira Capacitação Regional dos Operadores Logísticos e de Segurança do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019. O encontro reuniu, em Belo Horizonte (MG), cerca de 70 representantes das regiões Sul e Sudeste do país, com o objetivo de alinhar os procedimentos envolvidos na operação logística e de segurança para a realização do Enem 2019. Outras duas capacitações ocorrerão ainda no mês de agosto, uma para operadores das regiões Norte e Centro-Oeste, no dia 17, e outra para agentes da região Nordeste, no dia 31.

O planejamento da operação logística do Enem contempla a vertente de logística de distribuição, avaliação de riscos e garantia da segurança do exame, como explica o presidente substituto do Inep, Camilo Mussi. “Esses encontros servem como fomento da integração entre seus responsáveis, contextualização sobre o acompanhamento operacional e, ainda, a discussão do plano logístico e de segurança integrado.” O diretor de Gestão e Planejamento do Inep, Murillo Gameiro, destaca a importância das reuniões de planejamento e alinhamento nas unidades da Federação com todos os parceiros envolvidos no Enem. “Esse processo é essencial para compreensão da integralidade do processo e para a realização de ajustes.”

O Enem 2019 será aplicado nos dias 3 e 10 de novembro, em 1.727 municípios de todas as unidades da Federação, e contará com a participação de quase 5,1 milhões de inscritos. O Inep atua, antecipadamente, no planejamento logístico e de segurança da aplicação. A ação envolve, além de representantes do Instituto, oficiais das Polícias Militares, responsáveis pelos Centros Integrados de Comando e Controle estaduais; representantes do Ministério da Justiça e Segurança Pública, por meio da Secretaria de Operações Integradas; Polícia Federal; Polícia Rodoviária Federal; coordenadores estaduais dos Correios; coordenadores estaduais do consórcio aplicador, composto pela Fundação Cesgranrio e pela Fundação Getúlio Vargas (FGV); e Ministério da Defesa, por meio do Exército Brasileiro.