Projeto: Políticas educacionais de ensino: as relações entre o investimento financeiro em educação, as condições de qualidade, o perfil da demanda educacional e o desempenho estudantil no Estado do Paraná

Coordenador: Taís Moura Tavares

Resumo: O objetivo geral desse estudo coordenado pela Professora Taís Moura Tavares, da Universidade Federal do Paraná (UFPR), é a análise das relações e determinantes entre a política educacional e a qualidade de ensino da educação básica, aprofundando o conhecimento sobre a efetividade do regime de colaboração e buscando compreender as mediações entre o investimento financeiro em educação, as condições de qualidade, o perfil da demanda educacional, o perfil dos alunos e o desempenho estudantil no Estado do Paraná. A linha de pesquisa desse estudo abrange a análise da política educacional a partir de dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep/ MEC) no estado do Paraná, dos dados das regiões metropolitanas e de estudos de caso.
 
        Relação entre investimento financeiro e desempenho estudantil

Muito se discute sobre o percentual de investimento financeiro na educação em relação ao PIB brasileiro. Em 2007, foi de 4,6%. É pouco? É muito? O que esse percentual representa nos resultados de aprendizado dos alunos, da educação? Os recursos estão sendo bem empregados? Esse é um dos grandes desafios dos governos Federal, Estaduais e Municipais em relação à Educação.

O projeto de pesquisa "Políticas Educacionais e Qualidade de Ensino: as relações entre o investimento financeiro em educação, as condições de qualidade, o perfil da demanda educacional e o desempenho estudantil no Estado do Paraná", desenvolvido pelo Núcleo de Políticas, Gestão e Financiamento da Educação – NuPE do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Paraná - UFPR, pode mostrar um caminho a ser seguido para avaliação da política educacional brasileira.

Sob a coordenação da Professora Taís Moura Tavares, o grupo de pesquisa conta também com a participação dos Professores Ângelo R de Souza, Andréa Barbosa Gouveia, Rose Meri Tojan, Andréa Caldas, Sônia Landin e das professoras da Universidade Estadual de Londrina (UEL) Isabelle Fiorelli e Eliane Czernisz.

O projeto pretende avaliar, no período de 2001 a 2010, a qualidade do ensino básico da Região Metropolitana de Londrina e da Região Metropolitana de Curitiba e Litoral. A proposta é compreender a relação entre os recursos destinados ao ensino, as condições de qualidade que esse recurso proporciona, o perfil da demanda por vagas nas escolas e a aprendizagem do aluno. Todas essas variáveis estão sendo levantadas pelos pesquisadores, e, ao final, permitirão avaliar se a política educacional paranaense está seguindo por caminhos corretos ou precisar de uma correção de rumo.

Para este ano, os pesquisadores programaram reunir uma série de dados, como perfil do docente, cobertura do ensino, perfil da gestão educacional e da gestão escolar, condições estruturais e materiais da escola, financiamento e resultado escolar do aluno, entre outros.